segunda-feira, 28 de abril de 2008

A vida no meio do mato

into the wild Quantas vezes você já não ameaçou as pessoas que iria sumir para sempre, aí sim todos iriam ver o que é bom pra tosse? Eu já repeti isso centenas de vezes...

Chris Mccandless foi mais corajoso e, deixando as promessas, colocou o pé na estrada e foi andar pelo mundo.

É muito fácil sair por aí andando com dinheiro e um carro, né? Chris era rum rapaz rico, aliás ia ganhar um carro novo antes de ir para Harvard, a melhor faculdade dos EUA, senão do mundo.

Cansado da vida abastada, arrumou a trouxa, estragou o velho carro no deserto e doou todo o seu dinheiro. Viveu com "ciganos" e um senhor viúvo. Era um rapaz excepcional.

A história virou o livro e o filme Into the Wild (Na Natureza Selvagem é o título em português). Assisti e, até agora, continuo a achar o melhor filme que vi esse ano.

Pesquisando mais sobre a vida de Mccandless, descobri algumas fotos de sua infância e de tempos antes de sua morte. No album há imagens de sua mãe levando flores ao ônibus onde o aventureiro deu seu adeus à nossa louca sociedade.

Se não bastasse o bom filme, a trilha sonora é também um show a parte. Eddie Vedder, gravou um disco exclusivo para o filme, com músicas para colocar e enfrentar o trânsito de olhos fechados, ou se meter em uma empreitada de ir viver na Amazônia, que tal?

chirs high school

Nos tempos de escola.

chris into the wild

Chris pouco antes de morrer.

chris car

Ainda com o "carro".

Nenhum comentário:

Postar um comentário