quarta-feira, 7 de maio de 2008

Tradução: Wedding Dress do Derek Webb

derek webb wedding dress Derek Webb é, com certeza, um dos mais ousados compositores cristãos que já ouvi.

Não há quem discorde: nada revela melhor o nosso caráter do que questionar as nossas próprias atitudes e, por que não, ao própio Deus.

Podemos até, em uma atitude hipócrita, nos defender dizendo que questionar ao Soberano é uma pecado terrível, mas qual a diferença de pecar na mente ou tornar público esse pensamento? Acho que no segundo caso, ele adquire uma outra forma, onde que deixa o posto de pecado para humildemente se tornar uma belíssima e sincera confissão.

Wedding Dress, revela o nosso mais confuso comportamento ao lidar com a graça de Deus, esse favor desmerecido, onde o Senhor nos adota e pede que nos apoiemos em uma promessa em um ambiente totalmente desfavorável em se acreditar em coisas não palpáveis.

Espero, em uma breve oportunidade, traduzir a introdução dessa música onde Webb declara sua dificuldade em se apoiar nas boas novas.





Nota: O verso "Sou um vagabundo, eu admito" pode ser substituído por "Sou uma prostituta, eu admito", uma vez que Derek Webb representa a igreja e todo o caráter cristão, resumidos em única pessoa: a noiva de Cristo.
Preferi não alterar a tradução porque "vagabundo" dá o mesmo sentido, senão até outros maiores, pelo fato da palavra em português exprimir muitos outros comportamentos da ausência caráter.

Um comentário:

  1. Cara, essa tradução ficou muito boa não tive oportunidade de comentar lá no Youtube mas realmente mostra uma bela confissão...

    ResponderExcluir